Fone: (48) 3237-9137

Fone: (48) 3237-9137

Hierarquia dos Artigos
Início dos Artigos » Tratamentos Odontologicos » Opções de tratamento da sensibilidade dentária
Opções de tratamento da sensibilidade dentária

http://www.allentownfamilydentist.com/wp-content/uploads/2011/04/shutterstock_726130961.jpg

Opções de tratamento da sensibilidade dentária
A sensibilidade dentária tem sua origem na exposição da dentina (parte do dente que recobre o nervo), devido à perda do esmalte ou à retração gengival. As mudanças de temperatura e certos alimentos (ácidos ou doces) podem causar hipersensibilidade. A dor geralmente desaparece depois de algum tempo.

A dentina tem um grande número de poros ou tubos microscópicos (túbulos) que vão da face externa do dente até a polpa gengival, no centro. Quando a dentina está exposta, esses túbulos podem ser estimulados por mudanças de temperatura ou certos alimentos. Abaixo está uma ilustração dos túbulos dentinários vistos em um microscópio:

Microscopic view of dentin


A melhor maneira de descobrir a causa da sensibilidade dentária é pedir ao dentista que examine seus dentes. O dentista vai observar sinais de exposição da dentina e realizar testes para determinar a causa real da sensibilidade. Por vezes, a sensibilidade tem sua origem em cárie dentária ou doenças gengivais. Essas duas causas podem ser tratadas. Outras vezes, a sensibilidade é provocada pelo desgaste do esmalte, seja por abrasão ou erosão, ou, ainda, pela retração gengival, que deixa exposta a raiz do dente.

O que se pode fazer?
Se a sensibilidade for causada por cárie, pode-se restaurar o dente. Se a causa for gengivite, o dentista pode fazer uma profilaxia completa da área afetada.

Contudo, se a causa for a exposição da dentina, o tratamento para a redução da sensibilidade requer vários procedimentos tanto em consultório como em casa.

  • Procedimentos em consultório:
    • Aplicação de verniz de flúor nas áreas expostas para ajudar a mineralizar o esmalte e a dentina;
    • Aplicação de espuma ou gel de flúor , por meio de moldes bucais, durante 3 a 5 minutos, proporcionando alta concentração de flúor para ajudar as áreas sensíveis;
    • Aplicação de agente fixador (material usado para fixar restaurações) para impermeabilizar a superfície da dentina ajudar os estímulos que causam a sensibilidade;

  • Em casa:
    • Use uma escova de cerdas muito macias;
    • Escove corretamente, mas não em demasia;
    • Use creme dental especialmente formulado para ajudar a sensibilidade dentária;
    • Use creme dental com alta concentração de flúor (dado pelo dentista) para ajudar fortalecer a superfície do dente;

Há um grande número de tratamentos disponíveis. Seu dentista pode ajudá-lo a encontrar aqueles que funcionam melhor no seu caso. Consulte sempre o dentista. Não tente diagnosticar o problema você mesmo, pois ele pode ser sinal de algo mais sério. Somente um dentista pode esclarecer o questão.

leia o artigo original em: http://www.colgate.com.br/app/CP/BR/OC/Information/Articles/Oral-and-Dental-Health-Basics/Common-Concerns/Sensitivity/article/Treatment-Options-for-Tooth-Sensitivity.cvsp

Copyrights © 2013-2017 CIOSC. Todos os direitos reservados.

secretaria@ciosc.com.br

Ligue agora e marque uma consulta: (48) 3237-9137

Endereço: Rodovia Francisco Thomaz dos Santos, nº 179, Morro das Pedras, Florianópolis/SC, Sul da Ilha. Amplo estacionamento para sua comodidade. Fones: (48) 3237-9137 / 9156-4049 / 9156-4050 / 9156-4051.

Atendemos também em Criciúma: 9919-2721 / 9156-4049 e no Kobrasol: (48) 9997-0000. Resp. Técnico: Dr. Everton P. Camilo, CRO-SC 3334

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2015 by Nick Jones.
Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3.